Município


PEQUENO HISTÓRICO SOBRE SERRA DO SALITRE – MG


A origem da bonita cidade de Serra do Salitre guarda, quando comparada com as demais cidades brasileiras,uma peculiaridade sem par.

Tudo começou quando em 13 de julho de 1853, foi instalado um marco, local onde mais tarde seria edificada uma capela, construída pelo Capitão Luiz Manoel Leite de Alcobaça. O referido capitão, descendente de portugueses, residia em uma fazenda nas proximidades de Santana de Patos, perto de uma capelinha na qual assistia missas.

Assíduo frequentador daquela casa de orações, o capitão era esperado pelo padre para o inicio da missa, mesmo quando muito atrasado.

Certo dia, por não ser esperado pelo vigário para o inicio dos serviços litúrgicos,indispôs-se com o mesmo,voltando para casa com a firme intenção de construir uma igreja onde pudesse frequentar livremente saindo a procura de um lugar conveniente deparou-se naquelas imediações, com um lugar alto e bonito,de onde se vislumbrava o horizonte e que mais tarde por ele foi erigido um cruzeiro e pouco depois construída uma morada, cujo padroeiro foi São Sebastião.

Em 1953, pela Lei nº 1039 de 12 de dezembro de 1953 foi criado o município de Serra do Salitre. Sua população estimada no último Censo em 2008 era de 10.657 habitantes. Seu clima é tropical de altitude observando a variação da temperatura durante o ano. Com invernos frios e secos e verões tépidos e úmidos. A sede do município está a 1220 m acima do nível do mar.

O município com área de 1298Km2 tem na produção de café seu carro chefe da economia, com cerca de 12.500ha de lavouras de café plantadas e produtividade de 1.500 kg/ha dos melhores café produzido no Brasil e exportado pela Cooxupé.

Tem ainda grandiosa importância a produção de batata pela empresa Montesa que emprega cerca de 350 pessoas nesta atividade produtiva. Soja, milho e feijão são outros destaques na produção do Município, bem como a produção de queijo, com rebanho bovino de aproximadamente 57.000 cabeças. Atualmente o município recebeu a implantação dos trabalhos de mineração pela mineradora Galvani, já com a organização das estruturas necessárias para extração. A cidade possui dois importantes órgãos de comunicação: Rádio Veredas – FM e Site www.serradosalitreagora.com.br .

O município apresenta PIB per capta de aproximadamente R$ 13.000,00/ hab, e IDH de aproximadamente 0,80, já que todas as 2.600 residências são atendidas com água tratada e distribuída pela COPASA e rede de esgoto. Com cerca de 1800 matriculas no ensino fundamental, 400 matrículas no ensino médio e 300 matriculas na pré-escola.